Tadinha

Eu tenho dó. Tadinha, o estudo deve ser puxado, e elas são tão novas… Né. Sei lá se ensino de criança nessa idade deveria ser assim (eu não entendo do assunto, mas acho que não). Pra ela fazer isso com sete, então…

Anúncios

8 comentários em “Tadinha

  1. Logo que eu comecei a ver, eu achei que você tinha exagerado, mas quando chegou na parte dos fouettés e na ponta…
    Aí já é demais com uma criança de 7 anos
    Esse pessoal da Rússia exagera demais… eu particularmente acho que isso é prejudicial não só pro físico de uma criança, mas também pro psicológico dela, porque ballet exige disciplina, e uma criança de 7 anos tá na idade de brincar e não de levar o ballet tão á sério… mas sim como forma de diversão, descontração

    É a minha opinião…

    Beeeeeeijos

  2. Podem falar o que for, eu sou totalmente contra um treinamento pesado para uma criança, mesmo na meia-ponta. Ela estava lá, tadinha, tirando força de dentro para manter aquele arabesque. E na hora dos fouettés, nem é preciso comentar… Fiquei brava agora, hehehe.

    Beijos, querida.

  3. Fernanda e Cássia, eu concordo com vocês (ou comigo de novo? hihi). Eu chego a imaginar a professora dela gritando com a menina, dando tapas… ai, que horror que eu sinto!
    Acho tão lindo as crianças lá da academia praticamente brincando na aula, todas felizes, um sorrisão!
    Já ela nem parece que gostaria de estar lá (cara de que se não fizer certo vai ver).

    Tem outros vídeos dela, a Lada, também. De dar dó.
    Muito triste.

    Beijocas!

  4. Ah, eu vou fazer um pouco papel do contra aqui, eles são russos! a cultura é totalmente diferente da nossa, e eles não são os únicos que exigem muita das crianças, os americanos, os japoneses, os chineses também, lógico que aqui no BR a história é bem diferente, nós prezamos a escolha de cada um, a alegria e a diversão, mas eles prezam a disciplina e a perfeição. Cada lado tem seus prós e contras, mas vendo esse vídeo eu não me surpreendo, não é a toa que eles são os melhores bailarinos. Não to apoiando o ensino deles ou desconsiderando a opinião de vocês meninas, só to apresentando o outro lado da moeda pra gente refletir um pouco.

  5. Verdade, Isis. Eles são muito perfeccionistas, não só no ballet, mas em tudo.
    Pois é, eles são os melhores mesmo, disso a gente não discorda – nem tenta, rs! Mas o que há é que dá dó da bichinha, tadinha. Não só dela, mas todas as crianças que são ensinadas assim. Ela é tipo um exemplo, só.

    Não é seeempre, mas eu agradeço às vezes ter nascido no Brasil, hihi!

    Beijocas, e obrigada por mostrar o “outro lado da moeda pra gente refletir um pouco.” 😀

Comenta. É grátis! :-D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s